Artrite reumatoide sintomas e cuidados



Entendê-los é essencial para buscar ajuda e ter uma melhor qualidade de vida.

Erra quem encara a artrite reumatoide como uma sentença de se tornar dependente de outras pessoas. “Já temos medicamentos que ajudam a preservar as articulações, e o tratamento precoce é capaz de induzir à remissão, que é a vida sem os sintomas”, afirma a reumatologista Selma Merenlender*, presidente da Sociedade de Reumatologia do Rio de Janeiro.
 
Antes de tudo, vale lembrar: a artrite reumatoide é um tipo de reumatismo que inflama os tecidos que revestem as juntas. Isso explica porque entre seus principais sintomas está a rigidez nas articulações, especialmente nas primeiras horas do dia. “Mesmo nestas condições, quem segue o tratamento da maneira correta consegue continuar realizando tarefas cotidianas”, afirma a reumatologista Selma Merenlender*, presidente da Sociedade de Reumatologia do Rio de Janeiro.

Tem tratamento

“Apesar de ainda não haver cura para a artrite reumatoide, é possível controlar os sintomas e prevenir ou até mesmo reverter alguma atrofia ou contratura muscular causada por ela. Mas, para isso, é essencial consultar o médico especialista regularmente para prescrever e dosar a medicação ao perfil e necessidade do paciente”, esclarece a médica. “O profissional também vai orientar sobre a necessidade de se alimentar da maneira adequada, reduzindo, por exemplo, o sal e a gordura, como forma de controlar o peso para não sobrecarregar as articulações; suplementar cálcio e vitamina D, para diminuir o risco de osteoporose; e de realizar atividade física ou fisioterapia, para aliviaros desconfortos e combater as limitações de movimentos das juntas”, completa a doutora Selma Merenlender.

* CRM 484252
 
As orientações a seguir se referem à interpretação da literatura médica atual e às principais recomendações de sociedades médicas. Essas informações não devem estimular a automedicação e, sob nenhuma hipótese, substituem a avaliação de seu médico de confiança. Ele é o único profissional habilitado para avaliar a sua saúde e indicar a melhor conduta para o seu caso.
Usar remédios sem o conhecimento do seu médico pode ser extremamente perigoso para sua saúde.